Visite a nossa pagina no facebook e confira videos e fotos dos principais momentos da cidade/ TSE quer rebater notícias falsas via redes sociais durante eleições/ MP volta atrás e reconhece que Zé tem condições de disputar as eleições de Macau/ Decreto federal autoriza uso das Forças Armadas nas eleições de 2020
Destaques
SEJA NOSSO APOIADOR, CONTRIBUA COM O NOSSO TRABALHO.
recent

Vacina que será testada no RN gerou anticorpos em 98% dos participantes

A candidata da Johnson & Johnson à vacina contra a Covid-19, que também será testada no Rio Grande do Norte, apresentou resultados promissores, que indicam eficácia para combater e impedir a infecção provocada pelo novo coronavírus em humanos. As informações do estudo clínico foram divulgadas neste sábado (26) na plataforma científica medRxiv.


A pesquisa, feita pela farmacêutica subsidiária Janssen, mostra que uma única dose da vacina é capaz de induzir a uma resposta de anticorpos neutralizantes forte “em quase todos os participantes com 18 anos ou mais”. A vacina, inclusive, foi bem tolerada e não provocou reações adversas graves.

Ainda de acordo com o estudo, as respostas imunes foram semelhantes em todos os grupos etários estudados, incluindo os adultos com mais idade. Para quem tem mais de 65 anos, também houve resposta satisfatória, embora, segundo a farmacêutica, os dados levem em conta a saúde de 15 participantes do estudo.

Nesta fase, a pesquisa clínica mira estudar a segurança e potencial de produzir anticorpos da vacina, com testes em doses única e dupla.

A dose única se mostrou suficiente uma vez que 99% dos participantes, entre 18 e 55 anos, desenvolveram anticorpos. Além disso, 98% de todas as pessoas que participaram do teste apresentaram anticorpos neutralizantes contra o vírus que provoca a covid no 29º dia pós-vacinação.

De acordo com a farmacêutica, os dados divulgados comprovam resultados obtidos em estudos pré-clínicos, publicados pela revista Nature, que indicaram que uma dose funcionou e permitiu uma proteção completa aos pulmões de primatas não humanos (NHPs, na sigla em inglês).

FASE 3

Na última quarta-feira (26), a Johnson & Johnson anunciou que irá começar os testes de fase 3 da sua candidata à vacina contra a Covid-19. Essa etapa de testes, que é a última, deverá incluir até 60 mil voluntários em 8 países, inclusive no Brasil, e aceitará participantes acima dos 60 anos e com doenças preexistentes. A idade mínima para participar é de 18 anos.

A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) já havia autorizado, no mês passado, os testes da imunização da Johnson & Johnson no país. A autorização da agência previa a participação de 7 mil voluntários em 7 estados (Bahia, Minas Gerais, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul e São Paulo). Depois, foi divulgado também um recrutamento de 800 pessoas no Distrito Federal. Não está claro se elas estão incluídas no total inicial.
COMPARTILHE:
Twitter: @Leitura_M

Twitter: @Leitura_M

Tecnologia do Blogger.