TSE libera ferramenta para consulta de candidaturas/ Serasa oferece até 50% de desconto em renegociação de dívidas/ STF declara inconstitucional a impressão do voto pela urna eletrônica/ Eleitor sem máscara não poderá acessar o local de votação diz TSE/ Anuncie em nosso site e aumente suas vendas, chama no chat e veja como solicitar
Destaques
SEJA NOSSO APOIADOR, CONTRIBUA COM O NOSSO TRABALHO.
recent

"Não vou manchar minha carreira" diz Nelson Teich ex ministro da Saúde após pedir exoneração

O ministro Nelson Teich (Saúde) pediu demissão na manhã desta 6ª feira (15.mai.2020). O anúncio foi feito pelo Ministério da Saúde. A pasta deve detalhar o caso em entrevista durante a tarde. E após demissão ele alega "Eu vou manchar minha carreira por causa da cloroquina".


Teich é o 2º comandante do ministério a deixar a função durante a pandemia do coronavírus. O ministro anterior foi demitido em 16 de abril. Teich assumiu a cadeira da Saúde em 17 de abril –estava para completar 1 mês.

Teich esteve no Palácio do Planalto para conversar com Jair Bolsonaro às 11h. A relação dos 2 vinha se degenerando porque o presidente defende abertamente o uso do remédio cloroquina como tratamento para a covid-19. Nem a OMS (Organização Mundial da Saúde) nem o Ministério da Saúde reconhecem algum fármaco ou vacina como cura para a doença.

Em sua tradicional live desta 5ª feira (14.mai.2020), o presidente falou de sua expectativa sobre o ministro da Saúde: “Acho que amanhã o Nelson Teich dá uma resposta pra gente. Acho que vai ser pela mudança do protocolo para que se possa aplicar cloroquina a partir dos primeiros sintomas”.

Na posse, o agora ex-ministro de Bolsonaro se comprometeu a seguir com o governo “na saúde e na economia”. O seu antecessor, Luiz Henrique Mandetta, entrou atrito com Bolsonaro por defender o isolamento social, enquanto o presidente pedia a reabertura da economia.

O presidente defende que a cura da covid-19 não pode ser pior que a doença e que os comércios não podem ficar fechados. Acredita que, acabando com o isolamento, reaquece a economia. Já Mandetta, assim como a OMS, achava que o isolamento social era a melhor saída para frear as infecções do novo coronavírus.
COMPARTILHE:
Twitter: @Leitura_M

Twitter: @Leitura_M

Tecnologia do Blogger.